Última hora

Última hora

Exército ucraniano preparado para combate, avisa Presidente interino

Em leitura:

Exército ucraniano preparado para combate, avisa Presidente interino

Tamanho do texto Aa Aa

O chefe de Estado interino da Ucrânia, Oleksander Turchynov, avisou que o exército está preparado para o combate, numa altura em que o governo central de Kiev voltou a perder mais uma cidade do Leste. Os edifícios públicos de Horlivka foram o novo alvo de homens armados, com uniformes militares sem insígnia distintiva.

Numa reunião dos governadores regionais, em Kiev, Oleksander Turchynov voltou a insistir “no perigo da Rússia começar uma guerra contra a Ucrânia”, avisando que as Forças Armadas estão “em alerta total e preparadas para o combate”.

A pouco e pouco, Kiev tem perdido o controlo das cidades do Donbass, a região adjacente à Rússia que representa um terço da produção industrial ucraniana.

Esta quarta-feira, em Moscovo, o autoproclamado líder de Donetsk, garantiu que não vai haver eleições presidenciais nesta zona mas insistiu que vai haver um referendo para a independência a 11 de maio.

Entretanto, continua num impasse a situação dos observadores da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa, raptados na sexta-feira em Slaviansk.

Ertogrul Apakan, chefe da missão da OSCE na Ucrânia, lançou um apelo aos sequestradores lembrando que a tarefa da organização é acompanhar o que se passa no terreno e publicar relatórios objetivos e imparciais.

O grupo que capturou os observadores exige a libertação de algumas pessoas detidas por Kiev em troca dos representantes da OSCE.