Última hora

Última hora

Encontrado novo vídeo do naufrágio do ferry sul-coreano

Em leitura:

Encontrado novo vídeo do naufrágio do ferry sul-coreano

Tamanho do texto Aa Aa

Duas semanas depois do naufrágio do ferry sul-coreano que fez mais de 300 mortos e desaparecidos, o pai de uma das vítimas divulgou as últimas imagens registadas pelo filho antes de morrer. O vídeo foi encontrado no telemóvel quando o cadáver do jovem de 17 anos foi resgatado.

Nas imagens, os adolescentes perguntam-se o que devem fazer, se devem ligar para os pais para se despedirem, se devem vestir os coletes salva-vidas… Apesar de o navio estar claramente a afundar, ouve-se três vezes os avisos para que os passageiros se mantenham nos seus lugares e aguardem. Noutra parte, os jovens apercebem-se que o navio está mesmo a afundar e um deles reserva as últimas palavras aos pais.

Entretanto, as autoridades revelaram que o capitão habitual do navio – que estava de folga no dia da tragédia – tinha avisado a companhia sobre a instabilidade do ferry, devido à instalação de cabinas suplementares no aparelho com quase 20 anos. Está também em curso uma investigação sobre excesso de carga.

Esta quinta-feira, o primeiro-ministro demissionário da Coreia do Sul, Chung Hong-won, foi pessoalmente pedir desculpa às famílias das vítimas pela “má gestão” das operações de socorro. O chefe do executivo visitou as famílias acampadas num ginásio em Jindo, próximo do local do desastre.