Última hora

Última hora

Síndrome Respiratória do Médio Oriente chega aos EUA

Em leitura:

Síndrome Respiratória do Médio Oriente chega aos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

O novo coronavírus já chegou aos Estados Unidos.

As autoridades confirmaram um caso de infeção por este novo vírus num paciente recém-chegado da Arábia Saudita.

A Síndrome Respiratória do Médio Oriente afeta, como o nome indica, sobretudo, os países dos Médio Oriente. Tosse, febre e dificuldades respiratórias são os principais sintomas de uma doença que desde 2012 já provocou mais de 100 mortos.

“Temos feito campanhas de sensibilização nas escolas e nas universidades devido à elevada concentração de pessoas. Recordo que até agora não existe uma vacina ou antibiótico para tratar a doença” refere Hussain Abdul Rhaman Al Rand, porta-voz do responsável pela Saúde dos Emirados Árabes Unidos.

Os investigadores admitem que dromedários possam ser os hospedeiros do vírus.

Em apenas dois anos, a Organização Mundial da Saúde registou mais de 300 casos, alguns na Europa em pessoas que tinham viajado para o Médio Oriente.

Euronews: “De um lado, os Ministérios da Saúde dos países do Golfo garantem que a situação está sob controlo, mas é importante não esquecer o peso do setor turístico e o perigo de contaminação. Já a Organização Mundial da Saúde não esconde a inquietude com a dimensão do problema.”