Última hora

Última hora

Nigéria: Vídeo mostra líder do Boko Haram a reivindicar sequestro de jovens

Em leitura:

Nigéria: Vídeo mostra líder do Boko Haram a reivindicar sequestro de jovens

Tamanho do texto Aa Aa

O grupo islâmico Boko Haram reivindicou, através de um vídeo, o sequestro das mais de 200 alunas de uma escola na Nigéria. O líder da milícia insurge-se contra o facto de as jovens andarem na escola e garante que vão ser tratadas como “escravas, vendidas por 12 dólares cada e casadas à força”.

O rapto ocorreu há três semanas. De acordo com as autoridades, 53 estudantes conseguiram fugir, 223 continuam em cativeiro. Para as suas famílias a atuação das autoridades não tem sido a adequada:

“Eles mentiram-nos, disseram ter encontrado 121 raparigas, pouco tempo depois descobrimos que era pura mentira. E acredito que eles continuam agarrados a essas mentiras. Até agora não fizeram nada”, desabafa Martha Yarama Ndirpaya, mãe de uma das jovens.

Depois do sequestro o Exército nigeriano anunciou ter libertado todas as raparigas, o que não aconteceu.

O presidente nigeriano, pediu, entretanto, ajuda aos Estados Unidos, Reino Unido, China e aos países vizinhos, para resolver esta situação. O chefe da diplomacia norte-americana, John Kerry, já prometeu fazer o que estiver ao seu alcance para a ajudar.