Última hora

Última hora

Coreia do Sul: Mergulhador morre a tentar resgatar corpos do ferry naufragado

Em leitura:

Coreia do Sul: Mergulhador morre a tentar resgatar corpos do ferry naufragado

Tamanho do texto Aa Aa

Na Coreia do Sul, morreu um mergulhador, que participava nas buscas pelos corpos das vítimas do desastre do ferry.

A comunicação com o homem, de 53 anos, perdeu-se cinco minutos depois de este entrar para a água. O mergulhador perdeu a consciência a 25 metros de profundidade. Foi socorrido por colegas mas não resistiu.

“Pneumoencéfalo foi, ao que tudo indica, a causa da morte”, diz um médico do hospital para onde foi levado o mergulhador.

A missão deste mergulhador era verificar os compartimentos do navio que podem conter corpos, dos ainda 40 desaparecidos.

O trágico incidente acontece quando o país celebra o aniversário de Buda e o Dia da Criança.

A Presidente sul coreana aproveitou para lançar acusações aos proprietários e tripulantes do ferry acidentado:

“As pessoas deixaram-se cegar por desejos mundanos, não obedeceram às normas de segurança e, por negligência, aconteceu uma injustiça que terá causado a morte de pessoas.”

O momento foi aproveitado, por muitos, para prestar homenagem às vítimas do acidente, a grande maioria jovens.

As autoridades suspeitam agora que o excesso de cargo esteja por detrás do naufrágio do ferry.