Última hora

Última hora

Putin defende via diplomática e recua sobre a Ucrânia

Em leitura:

Putin defende via diplomática e recua sobre a Ucrânia

Tamanho do texto Aa Aa

A escassos dias da realização do referendo sobre a independência no leste da Ucrânia, o chefe de Estado russo defende a via diplomática.

No rescaldo de uma reunião no Kremlin com o Presidente da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa, Vladimir Putin recuou e surpreendeu dizendo que um adiamento do escrutínio favorece o “diálogo” entre as partes: “Apelamos aos representantes do sudeste da Ucrânia, apoiantes da federalização, para adiarem a realização do referendo previsto para 11 de maio de forma a criar as condições necessárias para o diálogo.”

Na receção ao também presidente suíço Didier Burkhalter, Putin propôs a procura de uma saída para a crise na Ucrânia.

Mais ainda, referiu que as eleições ucranianas marcadas para dia 25 rde maio são “um passo da direção certa.”

O Presidente russo fez também questão de lembrar que as tropas estacionadas junto às fronteiras com a Ucrânia, foram colocadas em zonas de treino.