Última hora

Última hora

EUA ativos na procura das 200 meninas raptadas na Nigéria

Em leitura:

EUA ativos na procura das 200 meninas raptadas na Nigéria

Tamanho do texto Aa Aa

Ganha consistência a mobilização internacional para encontrar as mais de 200 meninas raptadas a 14 de Abril pelo grupo islâmico Boko Haram na Nigéria.

Já está operacional a ajuda norte-americana. Estão no país aviões de vigilância e reconhecimento dos Estados Unidos, Washington está também a partilhar com as autoridades nigerianas imagens de satélite.

Uma dia depois do Boko Haram ter divulgado um vídeo e proposto trocar as meninas por reclusos nas prisões da Nigéria e da oferta ter sido recusada pelo governo, várias celebridades femininas lideraram um protesto em Paris.

Carla Bruni, esposa de Nicolas Sarkozi, ou Valerie Trierweiller, antiga companheira de François Hollande, e outras figuras públicas, juntaram-se para exigir ajuda.

No Sábado, a capital francesa vai acolher uma cimeira internacional sobre a segurança na Nigéria.