Última hora

Última hora

Benfica novamente em Turim à procura da felicidade

Em leitura:

Benfica novamente em Turim à procura da felicidade

Tamanho do texto Aa Aa

Em 1957, o destino ditou um Sevilha-Benfica na primeira eliminatória da Taça dos Campeões. Ambas as equipas faziam a sua estreia europeia e os espanhóis levaram a melhor. Foi a última vez que mediram forças numa prova da UEFA.

O reencontro está marcado para esta quarta-feira em Turim, desta vez com o título na Liga Europa em jogo.

Para Jorge Jesus, a maldição das sete finais perdidas não assusta. Na conferência de imprensa que antecedeu o duelo, o técnico encarnado preferiu realçar as duas competições que já ganhou esta temporada.

Enzo Pérez e Toto Sálvio, castigados, são os grandes ausentes no Benfica. Lazar Marković, também suspenso, só conhecerá a decisão da UEFA relativa ao recurso dos encarnados horas antes do jogo.

Também em dúvida, mas no Sevilha, está Kevin Gameiro, a contas com uma entorse no joelho direito.

O Sevilla venceu por duas vezes a competição nos últimos dez anos, mas Unai Emery não perde a ambição: “A final da Liga Europa dá-nos mais do que nós podemos dar. Nesse sentido estamos agradecidos a esta competição que deu tanto ao Sevilha e que me está a dar muito a mim também. Agora queremos sair como vencedores mas ainda falta um último esforço.”

A final está marcada para o estádio da Juventus, em Turim, onde o Benfica foi tão feliz há duas semanas. O pontapé de saída será dado às 19h45, hora de Lisboa, numa partida com arbitragem do alemão Felix Brych.