Última hora

Última hora

Reino Unido: Desemprego em mínimos de 2009

Em leitura:

Reino Unido: Desemprego em mínimos de 2009

Tamanho do texto Aa Aa

No Reino Unido, o desemprego atinge mínimos de cinco anos. No primeiro trimestre, a taxa recuou para 6,8%, contra os 7,2% no trimestre precedente.

Os dados do gabinete britânico de estatística revelam que esta queda deve-se a um aumento do número de trabalhadores independentes ou pessoas que abriram os seus próprios negócios.

Ao mesmo tempo, os salários subiram mais do que a inflação, pela primeira vez desde 2010. Mas os sindicatos e a oposição defendem que a qualidade de vida não melhorou, devido ao elevado número de contratos precários e a tempo parcial.

O governo mostra-se satisfeito, mas o Banco de Inglaterra considera que ainda não deverá antecipar um aumento das taxas de juro, que mantém baixas para impulsionar a economia