Última hora

Última hora

Acidente na Turquia desencadeia protestos em massa

Em leitura:

Acidente na Turquia desencadeia protestos em massa

Tamanho do texto Aa Aa

O desastre mineiro em Soma causou a maior onda de protestos na Turquia desde as megamanifestações do último verão.

Aperta-se o cerco ao governo de Recep Tayyp Erdoğan. Nas ruas de Istambul e Ancara, os manifestantes gritaram palavras de ordem pedindo a demissão do governo, que apontam como responsável pelo acidente.

Acusam o governo de ter privatizado o setor mineiro sem ter salvaguardado a questão da segurança e ignorando os avisos sobre possíveis perigos.

No último relatório da Organização Internacional do Trabalho, a Turquia ficou com o terceiro pior posto em termos de prevenção dos acidentes de trabalho.

Em Istambul, a polícia usou canhões de água e gás lacrimogéneo para dispersar os protestos.

Além da falta de condições, os manifestantes, em especial os familiares e amigos das vítimas, sentem-se revoltados pela falta de informação. Alguns trabalhadores, que não estão na lista dos feridos nem dos mortos no acidente, continuam incontactáveis, pelo que o balanço pode vir a agravar-se.