Última hora

Última hora

Pirataria informática: BlackShades na mira de mega operação

Em leitura:

Pirataria informática: BlackShades na mira de mega operação

Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de uma centena de pessoas foram detidas durante uma operação para intercetar criadores, vendedores e utilizadores de vírus informáticos usados para controlar computadores à distância, designados por BlackShades.

A operação a cargo da Europol e do FBI contou com o apoio de 18 países.

“Por apenas 40 dólares, os BlackShades permitem que qualquer pessoa, a partir de qualquer parte do mundo se torne um criminoso informático capaz de roubar informações e de invadir a vida privada dos outros. Uma vez instalado no computador da vítima, o vírus informático permite aos utilizadores aceder a fotografias, documentos e até mesmo palavras-chave de acesso a contas bancárias “ afirma o Procurador norte-americano, Preet Bharara.

Tudo isto sem que a vítima se aperceba. Além das detenções, foram ainda apreendidos mais de 1000 aparelhos de armazenamento de dados usados para atividades ilegais, armas de fogo, droga e uma quantidade de dinheiro não especificada.