Última hora

Última hora

Itália investiga TripAdvisor, Booking e Expedia

Em leitura:

Itália investiga TripAdvisor, Booking e Expedia

Tamanho do texto Aa Aa

A autoridade italiana da Concorrência aperta o cerco a empresas online ligadas ao setor do turismo.

Roma anunciou a abertura de um inquérito ao TripAdvisor, o site norte-americano de conselho para turistas. Quer apurar se a empresa toma as medidas necessárias para impedir a publicação de opiniões falsas. Por exemplo, comentários de pessoas que não visitaram o local ou concorrentes do estabelecimento comentado. Em causa está também a distinção dos comentários deixados por turistas e os feitos por agências pagas para tal.

As autoridades receberam várias queixas de consumidores e proprietários de restaurantes e hotéis. A organização de proteção dos consumidores diz que já tinha detetado “críticas suspeitas” em 2009.

TripAdvisor diz-se confiante no seu sistema de combate à fraude, composto por algoritmos e 200 especialistas de contéudo

A mesma autoridade está já a investigar as plataformas de reservação online, Booking e Expedia, por alegada violação das lei concorrência. Os acordos com hotéis impedem, alegadamente, os clientes de obter o melhor preço.