Última hora

Última hora

Tailândia: Exército anuncia golpe de Estado e suspende Constituição

Em leitura:

Tailândia: Exército anuncia golpe de Estado e suspende Constituição

Tamanho do texto Aa Aa

O exército tailandês suspendeu temporariamente a Constituição do país, depois dos militares tomarem o poder com um golpe de Estado.

O general Prayuth Chan-ocha assumiu o controlo do Governo, alegando que é preciso restabelecer a ordem no país e dizendo que as relações externas da Tailândia não serão afetadas.

Em nome dessa mesma ordem, o exército começou a desalojar acampamentos de manifestantes pró e antigovernamentais em Banguecoque e suspendeu o sinal das estações de rádio e televisão.

Os meios de comunicação social emitem com frequência comunicados dos militares.

O anúncio do golpe de Estado surge no final de uma segunda ronda de negociações, entre os principais atores da crise, para encontrar um compromisso.

Há dois dias, o chefe das Forças Armadas decretou a imposição da lei marcial e salientou não se tratar de um golpe de Estado, mas sim de uma tentativa para restaurar a paz.

Seja como for, vários elementos do Governo estão retidos e foi declarado o recolher obrigatório em todo o país.

A crise política e social que se vive na Tailândia traduz-se já na morte de mais de duas dezenas de pessoas.