Última hora

Última hora

Papa Francisco e patriarca ortodoxo grego unidos numa oração histórica em Jerusalém

Em leitura:

Papa Francisco e patriarca ortodoxo grego unidos numa oração histórica em Jerusalém

Tamanho do texto Aa Aa

O papa Francisco e o patriarca ortodoxo Bartolomeu I encontraram-se este domingo numa oração conjunta e histórica pela unidade dos cristãos na Igreja do Sagrado Sepulcro.
Um momento que marca a reaproximação dos dois ramos mais antigos do cristianismo. Há 50 anos, o papa Paulo VI encontrou-se com o patriarca Athenagoras, naquele que foi o primeiro sinal de abrandamento da tensão existente entre as duas igrejas desde o «Grande Cisma» do século XI.

Fora do Sagrado Sepulcro, milhares de cristãos, a maioria de Jerusalem, tentaram chegar o mais perto possível do papa, mas foram impedidos pelas fortes medidas de segurança impostas por Israel. A cerimónia acabou então em protestos e houve pelo menos dois detidos pela política.

As medidas de segurança israelitas foram tão apertadas que durante a passagem do papa Francisco, Jerusalém estava deserta, nem as lojas estavam abertas como testemunhou o enviado da euronews, Luis Carballo.