Última hora

Última hora

Ucrânia e Rússia tentam acordo sobre gás

Em leitura:

Ucrânia e Rússia tentam acordo sobre gás

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia e a Ucrânia iniciaram uma tentativa de acordo para acabar com a disputa sobre a dívida de gás ucraniana e evitar o corte de fornecimento por parte da Gazprom.
O encontro entre os ministros da energia dos dois países ocorreu esta segunda-feira em Berlim e foi mediado pela comissário europeu da Energia.

No final da reunião, Günther Oettinger foi moderado nas expectativas uma vez que continuam a existir muitas divergências entre ambas as partes.

O ministro russo Alexander Novak garantiu há abertura para negociar o preço dos futuros fornecimentos à Ucrânia, mas se até sexta-feira for paga a dívida de 2 mil milhões de dólares.

Mas os responsáveis ucranianos têm-se recusado a pagar este valor que consideram excessivo. O ministro Yuri Prodan sublinhou que Kiev quer pagar o que deve, não é esse o problema, mas apenas se o preço do gás for revisto para os valores de mercado justos.

Recorde-se que até ao ano passado, a Rússia cobrava à Ucrânia 485 dólares por mil metros cúbicos de gás, um valor muito superior ao cobrado aos restantes países europeus. O preço foi cortado para quase metade quando Kiev desistiu de assinar o acordo de associação com a União Europeia…mas após a queda do presidente Viktor Yanukovich em fevereiro a Gazprom voltou a subir as tarifas para os antigos valores.

De acordo com o comissário europeu, os dois países têm até quarta-feira para consultar seus líderes políticos e as companhias de gás.