Última hora

Última hora

Ucrânia: calma tensa em Donetsk onde separatistas esperam operação do Exército

Em leitura:

Ucrânia: calma tensa em Donetsk onde separatistas esperam operação do Exército

Tamanho do texto Aa Aa

Os separatista pró-russos que controlam Donetsk, no Leste da Ucrânia, reforçam posições à espera de uma operação de grande envergadura do Exército.

Apesar de reinar uma calma tensa na maior parte da cidade, há relatos de disparos nas imediações da sede regional do Serviço de Segurança da Ucrânia.

O Comité Internacional da Cruz Vermelha disse hoje que há uma “necessidade urgente” de medicamentos e material médico para assistir o número crescente de feridos na região de Donetsk, palco de intensos combates entre as forças governamentais e milícias rebeldes.

A área em redor do aeroporto da cidade, retomado pelo Exército numa operação apoiada por aviões e helicópteros que resultou na morte de dezenas de separatistas, está vedada a toda a circulação.

Entre os habitantes de Donetsk, reina o medo. Uma residente, que apoia os separatistas, explica que estão todos “preocupados” e acusa as forças enviadas por Kiev de “bombardearem pessoas desarmadas”, acrescentando que Donetsk “está simplesmente a defender-se”.

Depois do autoproclamado presidente da Câmara ter aconselhado os residentes a ficarem em casa, o centro da cidade está praticamente deserto e a maioria dos escritórios e lojas encontram-se fechados. Numa vitrine, pode mesmo lêr-se “Donetsk está fora de serviço”.