Última hora

Última hora

Incidente do mar de Gaza ainda perturba relações turco-israelitas

Em leitura:

Incidente do mar de Gaza ainda perturba relações turco-israelitas

Tamanho do texto Aa Aa

Passaram quatro anos sobre o incidente com a frota Mavi Marmara que transportava ajuda humanitária da Turquia, para a Faixa de Gaza, cercada por Israel.

A matinha de Israel atacou e o saldo foi terrível. Nove mortos turcos e um americano. Foi a 31 de Maio de 2010.

Há pouco tempo, morreu mais uma pessoa que esteve em coma, durante estes quatro anos.

Os aparelhos diplomáticos querem normalizar as relações entre os dois estados.

Mas um tribunal turco emitiu mandados de captura internacionais, contra quatro funcionários do estado hebraico.

Oguz Celikkal, embaixador da Turquia em Israel, à data dos factos, acha que as duas coisas devem ser seperadas.

“Do ponto de vista de Israel, a decisão do Tribunal é um problema. Mas devemos respeitar a decisão do tribunal. Eu acredito que esses dois procedimentos, o processo judicial e a normalização de relações, devem ser separados”.

Há muitos turcos que não perdoam a Israel, com diz o correspondente da euronews, na Turquia, Bora Bayraktar:

“Por um lado, há políticos que buscam um terreno comum. Por outro, há ativistas que querem justiça para os seus amigos mortos. No quarto aniversário do incidente, Mavi Marmara é uma grande barreira à normalização das relações Turco-israelitas”.