Última hora

Última hora

Talibãs libertam soldado norte-americano

Em leitura:

Talibãs libertam soldado norte-americano

Tamanho do texto Aa Aa

Detido há quase cinco anos pelas forças talibã, o sargento Bowe Bergdahl foi libertado este sábado.

Bergdahl era o único soldado norte-americano detido no Afeganistão.

De acordo com funcionários governamentais, o soldado, de 28 anos de idade, encontrava-se em bom estado físico e conseguia andar.

Bergdahl teria sido capturado por rebeldes afegãos da rede Haqqani em junho de 2009.

Esta rede opera na região fronteiriça entre o Paquistão e Afeganistão e tem sido um dos maiores obstáculos à presença norte-americana no país.

Esta rede reclama obediência aos talibãs no Afeganistão agindo contudo com um certo grau de liberdade.

A libertação de Bergdahl resultou de conversações indiretas mantidas entre os Estados Unidos e os captores. As negociações foram mediadas pelo Qatar.

Em troca do soldado, as autoridades norte-americanas libertaram cinco prisioneiros Talibãs detidos no campo de Guantânamo.

Esta semana, o presidente Obama anunciou que iria manter 9,800 homens no Afeganistão, na sua maioria para treinar as forças afegãs, após o final das operações de combate da NATO previsto para o fim de 2014.