Última hora

Última hora

Ucrânia: Moscovo avança com projeto de resolução junto da ONU

Em leitura:

Ucrânia: Moscovo avança com projeto de resolução junto da ONU

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia garante estar empenhada numa solução pacífica para o conflito na Ucrânia

Moscovo vai propor ao Conselho de Segurança das Nações Unidas um projeto de resolução que parece, no entanto, condenado ao fracasso. Desde logo, porque exige o fim das operações do exército ucraniano no leste do país.

“Pedimos o fim imediato da violência e o início das negociações com vista a um cessar-fogo estável e duradouro. O projeto de resolução apela, ainda, à criação de corredores humanitários, o mais depressa possível, de modo a que os civis possam abandonar as zonas de combate se assim o desejarem” afirma Serguei Lavrov, ministro dos Negócios Estrangeiros russo.

Kiev já reagiu. Pede à Rússia que passe das palavras às ações, ou seja, que deixe de fornecer armas e dinheiro aos separatistas.

Países como os Estados Unidos e a França responsabilizam Moscovo pela instabilidade na Ucrânia.