Última hora

Última hora

Hungria: Meios de comunicação em protesto contra taxa sobre receitas publicitárias

Em leitura:

Hungria: Meios de comunicação em protesto contra taxa sobre receitas publicitárias

Tamanho do texto Aa Aa

“Rejeitamos a taxa sobre as receitas publicitárias”. Esta foi a mensagem que se pôde ler durante 15 minutos na maioria canais de televisão da Hungria, esta quinta-feira à noite. As emissões foram interrompidas em protesto contra a intenção do governo de Viktor Orban de taxar até 40% as receitas publicitárias dos meios de comunicação superiores a 20 mil milhões de florins (65 milhões de euros).

Os responsáveis empresas e as associações do setor defendem que o Primeiro-ministro quer, com esta lei, aumentar a pressão e o controlo dos meios de comunicação.
Além disso garantem que vai levar à falência de muitos deles.

O projeto de lei foi apresentado pelo partido da maioria que apoia o executivo e deve ser discutido no parlamento húngaro em Setembro.
Esta taxa deve ser aplicada em conjunto com os impostos já existentes sobre os lucros.