Última hora

Última hora

Justiça espanhola anula plano de despedimentos da Coca-Cola

Em leitura:

Justiça espanhola anula plano de despedimentos da Coca-Cola

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça espanhola anulou o plano de despedimentos de 1190 trabalhadores de quatro fábricas da Coca-Cola no país, obrigando a empresa a reintegrar e indemnizar outros 800 funcionários no desemprego.

O tribunal da Audiência Nacional deu razão às queixas de três sindicatos que denunciavam o obscuro processo de fusão das oito fábricas da companhia em Portugal e Espanha antes do anúncio do processo de despedimento.

Jesus Villar, representante do sindicato CCOO acusa a companhia de, “violar os direitos fundamentais dos trabalhadores. O próximo passo consiste em regressar à mesa das negociações para manter os empregos e garantir um futuro sustentável tanto para a empresa como para os trabalhadores”.

A conhecida marca de soda afirmou já que pretende apresentar recurso da decisão, lembrando que será impossível reintegrar os trabalhadores de quatro fábricas, entretanto encerradas.

Desde há vários meses que os trabalhadores denunciam um plano de reestruturação – que inclui o despedimento de 30% dos trabalhadores – como incoerente, face aos benefícios da empresa.