Última hora

Última hora

FMI revê em baixa crescimento norte-americano deste ano

Em leitura:

FMI revê em baixa crescimento norte-americano deste ano

Tamanho do texto Aa Aa

A economia norte-americana está a portar-se pior do que o FMI previra e o mercado de trabalho ainda vai demorar a recuperar. O Fundo Monetário Internacional foi obrigado a rever em baixa as previsões do crescimento deste ano da maior economia do mundo, de 2,8% para apenas 2 por cento.

“Revimos em baixa as nossas previsões de crescimento, em grande medida devido aos fracos resultados do primeiro trimestre – relacionados, sobretudo, mas não só, com as questões meteorológicas. Mas acreditamos que este abrandamento é temporário e antecipa melhores dias”, afirmou Christine Lagarde, a diretora da organização.

O FMI mantém contudo, inalterada, a previsão de 3% de crescimento para o próximo ano, ao mesmo tempo que prevê que o pleno emprego norte-americano só seja alcançado em 2017.

As previsões do FMI devem levar a Reserva Federal norte-americana a adiar, pelo menos até meados de 2015, qualquer aumento das taxas de juro.