Última hora

Última hora

Espanha: Turistas e espanhóis não resistem às lembranças da coroação

Em leitura:

Espanha: Turistas e espanhóis não resistem às lembranças da coroação

Tamanho do texto Aa Aa

É já esta quinta-feira o grande dia para a monarquia espanhola e também para os vendedores de lembranças.

Desde que se soube que o Rei Juan Carlos ia abdicar, os objetos ligados ao momento começaram a chegar. Os espanhóis e os turistas entraram na onda.

Uma turista alemã afirma ter “comprado um dedal e uma caneca com a imagem dos novos reis” porque, diz, “vai ser um dia histórico, não acredito que vou viver para assistir a outra coroação”.

E ao que parece o negócio vai de vento em popa.

“As vendas estão muito boas, na verdade estou surpreendida, porque estamos a vender tudo muito bem, muitos produtos estão a ficar esgotados”, garante uma vendedora.

Com o olhar atento no novo e no antigo Rei, a segurança vai ser apertada. Mais de sete mil polícias estão mobilizados, incluindo 120 atiradores furtivos. As bandeiras republicanas foram proibidas nos locais onde os futuros reis vão passar.

É de facto um momento histórico, mas nem por isso a cidade ficou com mais turistas, pelo menos acreditar no presidente da Associação Empresarial de Hotelaria de Madrid. “Vamos ter uma ocupação semelhante ao que temos normalmente nestes dias do ano. Penso que a proclamação, intencionalmente, não terá um perfil muito brilhante e isso também retira um pouco da assistência ao evento em Madrid”, diz Antonio Gil Alonso.

Mas o momento histórico da monarquia tem vantagens, mesmo para os que são republicanos. Isto é, se forem gulosos, pois as pastelarias aproveitam o momento para puxar o apetite pelas guloseimas… reais.