Última hora

Última hora

Ensino do século 21

Em leitura:

Ensino do século 21

Tamanho do texto Aa Aa

EUA: riscos necessários

Exige-se uma nova abordagem no ensino que adapte a aprendizagem às necessidades do mundo moderno. Quando os professores olham para o futuro do ensino, uma das palavras-chave é “inovação”. É esse o caso no prestigiado Instituto Wyss, em Boston, nos EUA, já que pretendem revolucionar a saúde no século 21. Todos os caminhos da inovação vão dar a Boston. Para perceber como uma ideia se transforma em algo real vinte diretores das melhores universidades francesas passaram uma semana em Boston. O berço de Harvard, do MIT e agora do Instituto WYSS.

O alquimista da turma

Sir Kenneth Robinson, um autor Inglês, consultor internacional em matéria de ensino e um reconhecido orador fala com Aurora Vélez sobre algumas das suas ideias revolucionárias para o futuro da educação. As suas conferências TED têm mais de 25 milhões de espetadores. É considerado uma das vozes de destaque no mundo do ensino. Encontrámo-lo em Paris para falar sobre: talentos, inovação e desafios educativos.

França: Quebrar as regras

Vamos conhecer uma nova instituição, em Paris. Sem exames de admissão, sem ensino formal e sem calendário… É muito fora do vulgar. Vamos descobrir como os alunos da Escola 42 estão a aprender programação e como aprendem entre si. A escola 42 foi fundada por Xavier Niel o fundador da Free e foi programada para quebrar as regras estabelecidas.

Learning World Facebook

Learning World Twitter