Última hora

Última hora

Insurgentes sunitas tomam o poder em mais quatro cidades iraquianas

Em leitura:

Insurgentes sunitas tomam o poder em mais quatro cidades iraquianas

Tamanho do texto Aa Aa

O governo iraquiano afirma ser esta a resposta aos combatentes sunitas que tomaram Mossul: divulgou imagens aéreas que alegadamente revelam bombardeamentos sobre as bases dos insurgentes naquela cidade. Mas a verdade é que os jihadistas do Estado Islâmico do Iraque e do Levante parecem imparáveis. Tomaram o poder em mais quatro cidades – Al-Qaim, Rutba, Rawa e Anah – na província ocidental de Anbar. No horizonte está o avanço para a conquista de Bagdad.

Perante este cenário cada vez mais xiitas chegam aos centros de recrutamento para receber um rápido treino de combate e poder enfrentar no terreno os militantes radicais que querem instaurar um califado islâmico.

Também o Irão se mostra inquieto com o que está a acontecer. Em Teerão, o presidente Hassan Rohani apelou a um cessar-fogo durante o mês de Ramadão, que principia em julho. No mesmo dia, o ayatollah Ali Khamenei declarava-se totalmente contra qualquer intervenção dos Estados Unidos no Iraque, salientando que cabe aos próprios iraquianos porem cobro à violência.

Washington anunciou o envio de conselheiros militares para apoiarem as forças iraquianas e critica fortemente o separatismo religioso do primeiro-ministro Nouri al-Maliki.