Última hora

Última hora

Caso Pastor: Tudo em família

Em leitura:

Caso Pastor: Tudo em família

Tamanho do texto Aa Aa

O genro de Hélène Pastor, assassinada à porta de um hospital de Nice, em maio, admitiu o envolvimento no crime. Janowski, de 64 anos, empresário e cônsul honorário da Polónia no Mónaco, confessou durante a sua detenção, em Marselha.Hélène Pastor, pertencia a uma das famílias mais ricas do Mónaco.