Última hora

Última hora

Crise no leste ucraniano provoca milhares de deslocados

Em leitura:

Crise no leste ucraniano provoca milhares de deslocados

Tamanho do texto Aa Aa

A crise na Ucrânia está a provocar o êxodo de milhares de pessoas. De acordo com a Agência das Nações Unidas para os refugiados, desde o início do ano mais de 110 mil pessoas deixaram o país em direção à Rússia.

No entanto, apenas 9500 entraram com o pedido de estatuto de refugiado.

Pessoas que deixaram tudo para trás incluindo a violência.

“Em Donbas, na nossa região, o tiroteio começou. Nós receámos pelas nossas vidas. Antes vivíamos pacificamente e tudo estava bem, agora temos esta guerra”, afirma um homem num carro com a família na fronteira.

Na bagagem levam as marcas dos distúrbios e da violência, especialmente nas crianças, em parte o motivo do abandono da terra natal.

“É verdadeiramente assustador, toda a gente está a abandonar, a fugir. É assustador! Se não tivéssemos um filho certamente seria muito mais fácil”, garante uma mulher.

Apenas na semana passada, 16 mil pessoas fugiram do leste da Ucrânia, para encontrar refugio noutras regiões do país. São já 54 mil os deslocados internos no país.

Se o recente plano de paz do presidente não resultar, o drama de deslocados e refugiados continuará a alastrar.