Última hora

Última hora

'Mogees': A música secreta dos objetos do quotidiano

Em leitura:

'Mogees': A música secreta dos objetos do quotidiano

Tamanho do texto Aa Aa

Já é possível revelar os sons que se escondem nas coisas com que nos cruzamos todos os dias. Mogees é um sensor e uma aplicação que transforma os objetos à nossa volta em instrumentos musicais únicos.

Bruno Zamborlin, um investigador italiano que vive em Londres, criou o protótipo durante o doutoramento que realizou na capital britânica.

Um muro de betão, uma mesa ou uma grade podem assim transformar-se em originais instrumentos musicais.

“A ideia foi traduzir qualquer vibração que provocamos quando tocamos num objeto em uma improvisação musical. O sistema é composto por um sensor de vibrações com um transdutor embutido que converte as vibrações em sinais elétricos que são enviados para a aplicação móvel, que analisa as vibrações e as converte em musica improvisada”, explica Zamborlin.

Para lançar a ‘Mogees’, o jovem inventor transalpino conseguiu angariar mais de 120 mil euros graças ao crowdfunding, uma “vaquinha” em versão on-line.

A aplicação oferece um sem número de possibilidades para quem queira criar música recorrendo a sons diferentes dos que são produzidos pelos instrumentos tradicionais.

Zamborlin diz que “queria fazer música eletrónica, mas não queria estar demasiado escondido atrás de um computador, mesa de mistura e controladores. Queria música eletrónica que fosse viva”.

O inventor acredita que a tecnologia amplia e melhora a forma como experimentamos o mundo. Quanto à Mogees, o seu futuro está agora na mão dos utilizadores, músicos em potência que já podem pôr as paredes a falar.