Última hora

Última hora

Budapest Pride Festival

Em leitura:

Budapest Pride Festival

Tamanho do texto Aa Aa

Apesar de alguma tensão e alguns protestos, Budapeste foi palco mais uma vez da maior manifestação gay da Europa de leste. Cerca de 10 mil pessoas desfilaram pelas ruas da cidade apelando a mais tolerância e protestando contra a discriminação.

“Sinto que existe uma enorme mudança em Budapeste. Há alguns anos registaram-se confrontos com alguns manifestantes. Hoje mais de 700 empresas húngaras apoiam a iniciativa”, disse Péter Árvai, Cofundador da iniciativa We’re Open.

A presença da polícia evitou que algumas dezenas de extremistas em defesa dos valores da família e da religião atacassem os participantes no desfile.

Segundo os organizadores, o desfile de sábado registou um número recorde de participantes.

“A 19a. edição do Budapest Pride Festival foi essencialmente pacífica. Apesar de se terem registado pequenos incidentes e reações extremistas, ficou provado que Budapeste é uma cidade europeia tolerante”, sublinhou Gergely Bártfai, da Euronews, em Budapeste.