Última hora

Última hora

Obra de Vhils exposta em Lisboa

Em leitura:

Obra de Vhils exposta em Lisboa

Tamanho do texto Aa Aa

Alexandre Farto é um dos nomes mais conceituados da arte de rua contemporânea.

As obras do artista português encontram-se expostas no Museu da Eletricidade em Lisboa.

É a primeira vez que Alexandre Farto, conhecido como Vhils, expõe individualmente numa instituição artística portuguesa.

O artista concebeu uma série de trabalhos especificamente para o espaço, exterior e interior, do museu.

“O grafiti foi aquilo que me deu a atitude de trabalhar na rua e de olhar para o espaço público. Acho que esse background foi quase a minha escola, deu-me muito. Não tenho qualquer preconceito em relação a isso. Foi sem dúvida algo que me fez olhar para a rua. Não foi um escape foi quase um caminho”, explicou o artista português.

O método criativo de Alexandre Farto passa por remover as camadas superficiais de paredes e outros suportes. Uma técnica de escavação inovadora que tem sido elogiada pela crítica.

Na última década, o artista português tem apresentado o seu trabalho em vários países do mundo.

“A ideia da exposição é refletir um pouco sobre o impacto que as cidades têm no cidadão comum que vive nessas cidades, principalmente no fator de uniformização que esses organismos, que eu chamo cidades, têm sobre a sociedade em geral e as pessoas. A ideia é refletir um bocadinho sobre tudo aquilo que ganhámos e o que perdemos em nome do conforto comum”, acrescentou o artista português.

Vhils esteve recentemente no Rio de Janeiro onde expôs 15 obras inéditas, além de deixado várias marcas artísticas no espaço público carioca.

A exposição em Lisboa pode ser visitada até 5 de outubro.