Última hora

Última hora

"Welcome to Sweden": Os suecos segundo um imigrante norte-americano

Em leitura:

"Welcome to Sweden": Os suecos segundo um imigrante norte-americano

Tamanho do texto Aa Aa

As aventuras e desventuras de um americano que vai atrás da namorada para a Suécia, são retratadas em “Welcome to Sweden”, uma série que estreou na televisão sueca e que chega agora aos Estados Unidos e ao Canadá.

O argumento é baseado no choque de culturas que o ator e produtor Greg Poehler experimentou quando decidiu acompanhar a namorada no regresso à Suécia natal.

“Sou um americano que vive na Suécia. Comecemos por aí. Há muitas semelhanças nas nossas vidas. Vivo na Suécia há 8 anos e tenho portanto 8 anos de material para a série. A premissa do programa é a mesma, mas devo confessar que a minha transição para a vida na Suécia foi muito mais tranquila do que a do meu personagem”, refere Poehler.

Apesar de ser uma comédia, “Welcome to Sweden” retrata muitos dos problemas que vivem os imigrantes na adaptação a um novo país.

“Penso que as lutas que o personagem enfrenta são as mesmas que enfrentam muitos imigrantes. Não importa para onde vamos, se vamos para começar de novo, para nos reinventarmos, para nos transformarmos em algo novo, há uma série de eventos, de factos da vida que acabamos sempre por ter de atravessar: Começar de novo, encontrar um local para viver, fazer novos amigos, arranjar trabalho, conhecer a família da namorada. Mudarmos de sítio, ser imigrante é muitas vezes uma experiência solitária e a vida não é fácil”, afirma Poehler.

“Welcome to Sweden”: Os insólitos episódios de um imigrante norte-americano na Suécia estão a ser exibidos na cadeia de televisão NBC, nos Estados Unidos.