Última hora

Última hora

"Massacre" num bairro de Gaza

Em leitura:

"Massacre" num bairro de Gaza

Tamanho do texto Aa Aa

Duas horas de trégua na Faixa de Gaza não foram suficientes para retitar os feridos e os mortos das zonas bombardeadas por Israel.

A área de Shijaiya foi alvo de vários ataques, parte da população fugiu, os que ficaram receberam apoio das equipas de emergência mas o tempo não foi suficiente para retirar todos os feridos.

A repórter da Euronews dá conta do fim da trégua: “É o fim do cessar-fogo, ouvimos o som das explosões, as pessoas dizem que temos de sair daqui rapidamente “.

“Não é nada duas horas de cessar fogo, nós não temos tempo para levar todos os feridos daqui. Só retiramos um pequeno número de pessoas. Há muitos mais, e muitos foram mortos. Duas horas de trégua não é suficiente para evacuar todos os locais. Pedimos a Deus para estender ou renovar o cessar-fogo para salvar outras pessoas.”

O ataque o exército israelita perpetrado no subúrbio de Gaza Shahaiya, matou cerca de uma centena palestinianos e 13 soldados israelitas. Mais de 200 pessoas ficaram feridas.

O Hamas anunciou o rapto de um soldado hebreu mas do lado das autoridades de Talavive o sequestro não foi confirmado.