Última hora

Última hora

Separatistas não terão removido a totalidade dos corpos do MH17

Em leitura:

Separatistas não terão removido a totalidade dos corpos do MH17

Tamanho do texto Aa Aa

A Holanda deverá hoje receber os primeiros restos mortais dos passageiros do voo MH17. O governo declarou para esta quarta-feira dia de luto nacional enquanto a União Europeia está a preparar novas sanções contra a Rússia.

Haverá, no entanto, restos humanos que não foram removidos segundo Michael Bociurkiw, porta-voz da missão da OSCE. Isto poderá explicar a incerteza sobre o número de corpos encontrados.

“Havia mais pessoas no avião, havia mais vestígios e restos humanos a serem recuperados. Não estamos em posição neste momento de transportar todos. O que temos de certeza são apenas 200 corpos” declarou o holandês Jan Tuinder.

De acordo com as autoridades ucranianas, o comboio chegou do local do acidente com a informaçao de que trazia 282 cadáveres. Os especialistas holandeses contaram apenas duzentos.

O porta-voz da OSCE, Michael Bociurkiw diz: “É impossivel para nós saber mas por exemplo, vimos hoje no lado da estrada algum restos humanos num saco plástico que não foi levado. Isso chama a atenção dos investigadores e devemos estar atentos a esses detalhes”

A enviada da Euronews, Maria Korenyuk explica: “O primeiro avião com 50 corpos das vítimas vai deixar a Ucrânia esta quarta-feira. Os restantes serão transportados para antes deste fim de semana”.

O aeroporto militar e civil de Eindhoven, no sul da Holanda, é o primeiro destino. Depois sairão para Amesterdão.