Última hora

Última hora

Cadeias americanas de fast-food tomam medidas após o escândalo com carne fora de prazo

Em leitura:

Cadeias americanas de fast-food tomam medidas após o escândalo com carne fora de prazo

Cadeias americanas de fast-food tomam medidas após o escândalo com carne fora de prazo
Tamanho do texto Aa Aa

A McDonalds suspendeu a venda de vários produtos de frango, em Hong Kong, na China, depois do escândalo que obrigou ao encerramento de uma filial do importador Shanghai Husi Food, por vender carne fora de prazo, não só a esta cadeia americana de fast-food mas também à KFC, Pizza Hut e Burger King, entre outras.

“Hong Kong é uma cidade internacional e o Centro para a Segurança dos Alimentos tem sido lento a lidar com esta crise, precisamos melhorar o nosso sistema de regulamentação da segurança alimentar”, afirma Helena Wong, membro do conselho legislativo de Hong Kong.

Enquanto a polícia chinesa deteve cinco funcionários do grupo, por alegado envolvimento no escândalo, o grupo dono da KFC e da Pizza Hut garante que começou uma investigação à fábrica em causa.

Este é o segundo caso de falha na segurança alimentar em, cadeias de restauração na China, em menos de dois anos.