Última hora

Última hora

Muçulmanos assinalam fim do Ramadão

Em leitura:

Muçulmanos assinalam fim do Ramadão

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de muçulmanos celebram, a partir de hoje, em todo o mundo o Eid al-Fitr, a festa que assinala o final do mês do Ramadão.

No Afeganistão, o dia é de festa mas também de reflexão depois da contagem dos votos na segunda volta das eleições presidenciais ter sido novamente suspensa.

O chefe de Estado cessante, Hamid Karzai, sublinhou a necessidade de ultrapassar as divergências políticas no país e recordou o que está a acontecer com os palestinianos em Gaza.

Na Síria, o presidente apareceu em público pela primeira vez desde a cerimónia de tomada de posse, em Damasco, há cerca de duas semanas

Bashar Al-Assad foi reeleito no início de junho num escrutínio contestado pela oposição e no meio de uma guerra civil.

No Bangladesh, milhares de pessoas deixaram a capital Daca com destino à terra natal. Depois do mês de jejum seguem-se dias de celebração. Conseguir um bilhete para regressar a casa nem sempre é fácil, mas ninguém poupa esforços para celebrar o Eid al-Fitr, em família.