Última hora

Última hora

Situação degrada-se no Iraque

Em leitura:

Situação degrada-se no Iraque

Tamanho do texto Aa Aa

Aumenta a violência no Iraque. Um dia depois da explosão de dois carros-armadilhados, os moradores de dois bairros xiitas de Bagdad avaliam os estragos.

A primeira explosão, que aconteceu no bairro Sadr City, matou 15 pessoas e feriu 28, segundo a polícia. A segunda, em al-Amin, no leste da capital iraquiana, matou oito pessoas e feriu 20, adianta a mesma fonte.

Enquanto os combates prosseguem também continua a fuga de pessoas das áreas onde o conflito acontece, principalmente de Mossul. Mais de 300 mil iraquianos, segundo dados oficiais, estarão refugiados na região do Curdistão, no norte do país.

Entretanto as milícias xiitas iraquianas executaram 15 muçulmanos sunitas e penduraram-nos, em praça pública, em postes de eletricidade na cidade de Baquba, a nordeste de Bagdad.

Os ataques acontecem numa altura em que o país enfrenta a pior crise, em anos.