Última hora

Última hora

Fiat diz adeus a Itália

Em leitura:

Fiat diz adeus a Itália

Fiat diz adeus a Itália
Tamanho do texto Aa Aa

A Fiat, símbolo da economia italiana, transferiu a sede de Turim para a Holanda e o domicílio fiscal para o Reino Unido.

A família Agnelli e os outros investidores realizaram, esta sexta-feira, a última reunião de acionistas em Turim. Selaram o fim da Fiat como empresa italiana, com um voto que aprovou a fusão com a Chrysler.

“Estamos a apresentar um projeto de fusão que envolve uma nova sede e uma mudança do nome da empresa. Com a assembleia de hoje começa o futuro da nossa empresa”, afirmou o presidente da Fiat, John Elkann.

A Fiat Chrysler Automobiles vai estar cotada na bolsa de Nova Iorque. A fusão origina a sétima maior construtora automóvel mundial.

A Fiat foi fundada em 1899 em Turim. Em 2009, a empresa italiana aliou-se à Chrysler, comprando 35% de ações da construtora norte-americana.

Esta sexta-feira, nasceu a Fiat Chrysler Automobiles, com sede na Holanda.

A mudança de Itália para os Países Baixos favorece o controlo pela família Agnelli, com menos de 30% do capital, que pela lei italiana não seria possível. A transferência do domicílio fiscal para o Reino Unido é mais favorável à distribuição de dividendos.