Última hora

Última hora

Putin alerta que o mundo pode tirar lições da Primeira Guerra Mundial

Em leitura:

Putin alerta que o mundo pode tirar lições da Primeira Guerra Mundial

Tamanho do texto Aa Aa

Volvido um século do início da Primeira Guerra Mundial, em Moscovo, Vladimir Putin foi figura de destaque na cerimónia de inauguração do monumento dedicado aos soldados russos que morreram na contenda.

Uma data assinalada com pompa e circunstância, em que o presidente russo fez questão de lembrar que as “ambições políticas” ameaçam a paz na Europa.

Um discurso com referências ao passado, mas simultaneamente repleto de atualidade.

Em 1 de agosto de 1914, a Alemanha declarou guerra à Rússia. O pretexto foi o assassinato do herdeiro do trono austríaco, o arquiduque Francisco Fernando pelo sérvio bósnio de dezanove anos Gavrilo Princip.