Última hora

Última hora

Soldados ucranianos refugiam-se na Rússia

Em leitura:

Soldados ucranianos refugiam-se na Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Segundo Vasili Malaev, diretor regional do Serviço Russo de Segurança, 438 soldados ucranianos em missão no leste do país, depuseram as armas e foram admitidos em território russo.

A informação, avançada pelas agências Interfax e Tass, foi parcialmente confirmada por Kiev, que não referiu o número concreto de soldados.

“Hoje houve mais um ataque. Existiam ameaças diretas. Não havia alternativa. Tivemos que retirar, mas fomos bem recebidos e deram-nos água e comida”, disse um dos soldados ucranianos.

A mesma fonte adiantou que durante a madrugada de segunda-feira, os soldados ucranianos solicitaram um corredor humanitário na fronteira entre Rússia e Ucrânia e que entre eles estava um ferido, que foi hospitalizado em Gukovo.

As forças ucranianas, tentam há várias semanas, cortar as linhas entre os rebeldes e a fronteira com a Rússia.