Última hora

Última hora

Rumores sobre contra-sanções russas penalizam Aeroflot

Em leitura:

Rumores sobre contra-sanções russas penalizam Aeroflot

Tamanho do texto Aa Aa

As ações da companhia aérea nacional russa, Aeroflot, caíram quase 6%, esta terça-feira, na Bolsa de Moscovo. Uma queda a pique devido à discussão de possíveis contra-sanções russas dirigidas a companhias aéreas europeias.

O governo pondera impedir empresas como a Lufthansa, British Airways e Air France de usarem a rota transiberiana nos voos para a Ásia, obrigando a alternativas mais caras em termos de combustível.

Contudo, o efeito de ricochete atingiria a própria Aeroflot, já que a empresa russa pode perder 300 milhões de euros anuais em taxas pagas pelas companhias europeias para usar a rota transiberiana.

As sanções europeias contra a Rússia visam travar o apoio que o regime de Moscovo dá aos separatista no leste da Ucrânia.