Última hora

Última hora

Ébola: Estado de emergência na Nigéria enquanto o vírus progride

Em leitura:

Ébola: Estado de emergência na Nigéria enquanto o vírus progride

Tamanho do texto Aa Aa

O Presidente nigeriano confirmou o estado de emergência em todo o país, devido à progressão do vírus ébola. Goodluck Jonathan informou que foi criado um fundo, de cerca de 8,8 milhões de euros, para combater o surto.

O país está em alerta vermelho desde a morte de um nigeriano, vítima do ébola, há ainda cinco casos diagnosticados.

“Se houver alguma suspeita, ou situação que precise ser verificada, temos uma sala para onde a pessoa é levada e, adicionalmente, temos uma área de quarentena, caso seja necessária mais atenção a pessoa fica, realmente, em quarentena”, explica Yakubu Dati, responsável geral do aeroporto de Lagos.

Também o Banco Mundial tinha já anunciado a atribuição de um financiamento de emergência para apoiar os países da região:

“O Banco Mundial vai disponibilizar até 200 milhões de dólares para apoiar a Guiné-Conacri, Libéria e Serra Leoa, nos seus esforços para combater a epidemia do ébola, que despoletou nos três países. Este dinheiro será aplicado nos cuidados básicos, medicamentos, equipas médicas e também para ajudar as pessoas que estão a enfrentar dificuldades económicas em resultado desta epidemia”, adiantou Jim Yong Kim, Presidente da organização.

Libéria e Serra Leoa tinham já decretado o estado de emergência.

A Organização Mundial de Saúde recomenda à Guiné-Bissau que reforce a vigilância nas fronteiras com a Guiné-Conacri.

O número de casos mortais já ascende a quase um milhar, desde o início do ano.