Última hora

Última hora

Egito insiste que Israel e Hamas devem negociar

Em leitura:

Egito insiste que Israel e Hamas devem negociar

Tamanho do texto Aa Aa

O Egito continua a insistir para que Israel e Hamas se sentem à mesa das negociações e encontrem uma solução, de longa duração, para o conflito que começou há um mês. As conversações, mediadas pelo Cairo, chegaram a um impasse. O porta-voz do governo israelita insiste que Israel não negociará enquanto o Hamas não parar de bombardear o seu território:

“As negociações no Cairo baseavam-se numa premissa que era o fim, incondicional, da violência. Agora, quando o Hamas quebra o cessar-fogo e lança roquetes e morteiros contra Israel, está a quebrar essa premissa e não há negociações sob fogo”, afirma Mark Regev, porta-voz do governo israelita.

Esta sexta-feira, Israel lançou, pelo menos, 10 ataques aéreos em resposta aos projéteis lançados a partir de Gaza, estes últimos terão ferido duas pessoas, segundo a polícia israelita.

Israel e Hamas estão sob pressão internacional para chegar a um acordo, mas Israel quer ver o Hamas desarmado.