Última hora

Última hora

Nigéria em estado de emergência por epidemia de ebola

Em leitura:

Nigéria em estado de emergência por epidemia de ebola

Tamanho do texto Aa Aa

A Nigéria, declarou nesta sexta-feira o estado de emergência, devido ao surto de ébola.

A decisão foi anunciada pelo porta-voz do presidente Goodluck Jonathan, depois de a Organização Mundial da Saúde (OMS) ter considerado que a propagação do vírus no oeste da África é um caso de “emergência de saúde internacional”:

“O presidente Jonathan decidiu que o transporte de cadáveres de uma comunidade para outra, e do exterior para o país deve ser interrompido imediatamente. Todos os casos de morte devem ser comunicados às autoridades competentes e precauções especiais devem ser tomadas na proximidade dos cadáveres.”

A Nigéria é o quarto país do oeste da África envolvido no surto do ebola. Foram confirmados sete casos de ébola desde que um homem adoeceu vindo de Togo, no dia 20 de julho. Duas pessoas morreram no país.

Guiné, Serra Leoa e Libéria também já declaram estado de emergência por causa da propagação do vírus. Este sábado a Zâmbia decidiu restringir a entrada de viajantes de países afetados pelo vírus, proibir os zambianos de viajarem para esses países.

A taxa muito elevada de mortalidade e o receio da propagação mundial da epidemia, aumenta a pressão para o desenvolvimento de um tratamento ou medicação preventiva eficaz.
Os testes de laboratório parecem indicar que pode ter sido encontrada uma vacina para o vírus.

“Sabíamos que resultou em tubos de ensaio, sabíamos que resultou em ratos e em primatas não-humanos. O próximo teste na lista é em seres humanos. Estes estavam agendados para 2015 e quando o surto do vírus eclodiu não tinham ainda sido realizados.”

O último balanço oficial da OMS aponta para 961 mortos em 1779 casos confirmados da doença.