Última hora

Última hora

Acidente de avião mata Eduardo Campos, candidato à presidência do Brasil

Em leitura:

Acidente de avião mata Eduardo Campos, candidato à presidência do Brasil

Tamanho do texto Aa Aa

Não há sobreviventes da queda, em Santos, no estado de São Paulo, da aeronave que transportava Eduardo Campos, candidato do Partido Socialista Brasileiro às presidenciais agendadas para o dia 5 outubro.

Morreram os cinco passageiros e dois tripulantes do Cessna 560XL que se despenhou numa zona residencial da cidade do litoral paulista.

Os principais adversários do antigo governador de Pernambuco – a Presidente Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) – suspenderam todos os compromissos da campanha mal souberam do trágico acidente que vitimou Campos.

O candidato dos socialistas brasileiros seguia em terceiro nas sondagens, com cerca de 9% das intenções de voto.

O PSB irá agora designar outro candidato. Marina Silva, que concorria à vice-presidência e que devia ter seguido no voo fatídico, é a melhor colocada para assumir as rédeas da campanha presidencial dos socialistas brasileiros.

Pictures from social media