Última hora

Em leitura:

Justiça alemã vai reabrir processo de massacre nazi em Itália


Itália

Justiça alemã vai reabrir processo de massacre nazi em Itália

A decisão da justiça alemã de reabrir o inquérito sobre o massacre de 560 civis italianos pelos soldados nazis, durante a Segunda Guerra Mundial, foi bem recebida em Itália.

O massacre ocorreu a 12 de agosto de 1944, ,
na aldeia de Sant’anna di Stazzema, na Toscânia. 116 das vítimas eram crianças.

Em 2005, o tribunal militar de Spezia, em Itália, condenou dez oficiais nazis a prisão perpétua. O tribunal deu como provado que não se tratou de um ato de represália, mas um ato de terrorismo premeditado e planeado ao mais ínfimo detalhe, mas a Alemanha nunca acatou sentença. A justiça alemã encerrou o processo em 2012, por falta de provas.

Sete dos condenados já desapareceram. Entre os que restam está Gerhard Sommer, o mais alto dirigente nazi ainda vivo.

No ano passado, as comemorações do aniversário reuniram na aldeia de Sant’anna di Stazzema o presidente italiano, Giorgio Napolitano, e o presidente alemão, Joachim Glauck

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Exército ucraniano aproxima-se de Donetsk