Última hora

Última hora

Ucrânia: Reunião do Conselho Nacional de Defesa e Segurança

Em leitura:

Ucrânia: Reunião do Conselho Nacional de Defesa e Segurança

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Ucrânia, Petro
Poroshenko, presidiu na segunda-feira a uma reunião do Conselho Nacional de Defesa e Segurança ao mesmo tempo que Kiev acusava os rebeldes de atingirem um comboio de autocarros com refugiados perto da cidade de Luhansk.

Os separatistas negaram a responsabilidade do ato que terá causado dezenas de mortes.

“Como os mercenários e terroristas estão temporariamente em Luhansk e Donetsk, não têm nada que os ligue a essas cidades. Quanto pior for a situação, melhor é para eles. Estou completamente convencido que a culpa dos ataques a infraestruturas é unicamente dos rebeldes e dos seus patrocinadores estrangeiros”, disse Poroshenko.

Segundo as Nações Unidas este mês morreram mais de 2.000 pessoas, incluindo civis e combatentes.

O número de mortos quase duplicou desde o fim de julho, quando as forças ucranianas intensificaram a ofensiva e recuperaram terreno nas mãos dos rebeldes.