Última hora

Última hora

Brasil: Marina Silva oficializa candidatura à presidência

Em leitura:

Brasil: Marina Silva oficializa candidatura à presidência

Tamanho do texto Aa Aa

A ecologista Marina Silva volta a ser candidata à presidência do Brasil, uma semana após a morte do cabeça de lista do partido socialista e quatro anos após ter ficado afastada da primeira volta do sufrágio.

Os socialistas brasileiros oficializaram a candidatura, na quarta-feira à noite da, até agora, candidata à vice-presidência.

Marina Silva garantiu que, “o PSB vai levar a cabo os planos para o futuro, inspirados em Eduardo Campos”.

Campos, até há uma semana candidato socialista, morreu num acidente de avião cujas causas continuam a ser investigadas.

O efeito Marina conseguiu já com que os socialistas superassem os sociais democratas do candidato Aécio Neves nas sondagens, quando as últimas estimativas apontam para uma possível vitória da antiga ministra do ambiente face à atual presidente Dilma Rousseff, na segunda volta do escrutínio.

A campanha eleitoral para o sufrágio de outubro iniciou-se esta semana com Dilma a não hesitar em recorrer ao apoio do antigo presidente Lula da Silva para fazer frente à ecologista, quando Marina é apoiada pelo eleitorado progressista apesar da sua proximidade com a igreja evangélica que, no entanto, não oficializou ainda o seu apoio à candidata.