Última hora

Em leitura:

Embargo russo pode custar 130 mil empregos à Europa


economia

Embargo russo pode custar 130 mil empregos à Europa

Os protestos aumentam apesar das ajudas que Bruxelas decidiu canalizar para os agricultores europeus devido ao embargo russo. Mas este é apenas o primeiro capítulo de uma realidade que se pode tornar bem mais problemática. Ao todo, as estimativas feitas pelo grupo financeiro ING dizem que mais de 130 mil postos de trabalho na Europa podem estar em jogo, uma vez que a quebra na produção pode representar perdas anuais na ordem dos 5 mil milhões de euros.

Em termos produtivos, é a Alemanha a mais penalizada, uma vez que assume um quarto das exportações para a Rússia. Mas, no que toca ao emprego, será a Polónia a mais afetada. Os estados do Báltico também serão particularmente prejudicados. Quase 4% do PIB lituano depende de Moscovo. Nos EUA, os números são muito mais moderados: apenas 0,01% do PIB americano está ligado à Rússia.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

economia

Poroshenko vai deixar o "reino do chocolate"