Última hora

Última hora

EUA podem alargar ataques contra Estado Islâmico à Síria

Em leitura:

EUA podem alargar ataques contra Estado Islâmico à Síria

Tamanho do texto Aa Aa

Os Estados Unidos poderão alargar as ações contra os insurgentes do Estado Islâmico à Síria.

Os raides aéreos norte-americanos têm-se limitado ao território iraquiano. Mas, um dia depois de ter dito que o grupo está “para além de qualquer outra” ameaça terrorista, Washington abriu claramente a porta a incursões no país vizinho.

O conselheiro adjunto da Casa Branca para as questões de segurança, Ben Rhodes, explicou que estão a “considerar ativamente o que terá de ser necessário para lidar com esta ameaça e as fronteiras não serão uma restrição. Serão tomadas ações diretas (…) se necessário”.

Apesar dos jihadistas terem ameaçado executar um segundo refém norte-americano, os Estados Unidos prometeram continuar a ajudar as forças curdas e iraquianas a combater o Estado Islâmico.

Os peshmerga curdos tentavam esta sexta-feira reconquistar áreas estratégicas perto das cidades de Jalula e Sadiyah, no oeste do Iraque, onde os insurgentes têm fortificado posições nos últimos dois meses.

O dia ficou ainda marcado por um ataque contra uma mesquita sunita, na região de Hamrine, que fez 70 mortos.