Última hora

Última hora

Músicos country homenageiam Mötley Crüe

Em leitura:

Músicos country homenageiam Mötley Crüe

Tamanho do texto Aa Aa

Quando pensamos em Mötley Crüe, pensamos em rock da pesada. Mas, desta vez, as canções de Nikki Sixx e companhia ganharam tons mais suaves, tons de música country, graças a este álbum de homenagem: “As grandes canções podem ser despidas de tudo, independentemente do género. Podem ser tocadas em piano ou guitarra acústica. Se a canção for boa, funciona”, diz Nikki Sixx, baixista e principal compositor da banda, que acrescenta: “O que é bom é que pode ser feito em qualquer género musical. Uma grande canção pode ser feita num estilo muito pesado como o dos Metallica, ou em música eletrónica ou country, que é o que estamos a ver agora”.

Os Mötley Crüe têm já 34 anos de carreira. A banda quer agora dizer adeus aos palcos, com uma digressão de 70 datas por todo o mundo, com um convidado muito especial: Alice Cooper.

Conta Nikki Sixx: “Todas as noites vão ser emotivas, mesmo se não é o fim para nós, porque esta digressão dura um ano e meio. Vamos ao Japão, à Europa, a todo o mundo. O concerto final deve ser no próximo ano em Los Angeles, onde tudo começou. Sempre que tocarmos, vai ser a última vez que muitas daquelas pessoas nos vão poder ver. Por isso, cada noite vai ser muito emotiva”.

O álbum tem o título “Nashville Outlaws: A Tribute To Mötley Crüe”. Tem 15 canções da banda, interpretadas por diferentes músicos e grupos de country.

“Home Sweet Home” é o primeiro single, em que Justin Moore canta em dueto com o próprio vocalista dos Mötley Crüe, Vince Neill.